Mãe e filho de mãos dadas trilhando os caminhos do autismo/asperger.
Numa partilha intimista e de coração aberto em sonhos e desalentos, numa vida vivida...
Ter um filho asperger não é o fim do mundo, mas o princípio de uma nova vida...
Valorizando os afectos...

segunda-feira, 24 de maio de 2010

Pequenas “marcas”!?...Ou


somente abordagens diferentes
E lá vou eu tentar psicanalisar a situação...
O Bruno gosta de chocolate em estado sólido, e também não me ocorreria que não goste em estado líquido, é capaz de comer daquelas mousses semi líquidas, comer profitrole com molho de chocolate derretido na altura...
No fundo é guloso e a relação com o chocolate é amigável xD
No entanto desde o manuseamento e o toque no liquido viscoso ( num encontro fortuito) a sua ligação com o mesmo mudou ( julgo que temporariamente).
Ontem num supermercado, estavam em evidência umas tabletes, pegou nelas como de costume...
Pergunto, queres levar algumas?... Escolhe!...
Volta a colocar os chocolates no local, e refere-me o facto do outro chocolate líquido...
Significa, que não estive devidamente atenta, para o mandar parar mais cedo, não percebi de imediato por distracção , que aquela relação não estava a ser profícua.
Porque ele mesmo sem vontade e em esforço continuaria, para agradar ou simplesmente, porque não sabe muito bem quando há-de parar...

6 comentários:

Fê-blue bird disse...

A amiga é uma mãe muito atenta e especial, não me canso de o referir.
Boa semana para os dois!
Beijinhos

Mrs_Noris disse...

Ficou enjoado, pudera. Até eu ficaria. Beijinhos.

lobitas disse...

Um beijinho grande da alcateia que está de regresso.
Beijinhos das lobitas

Mina disse...

Fê blue bird
São os seus olhos amiga, em quaiqueres eventos, os meus olhos viram radar.
E tento ver o que os outros não conseguem ver que cada um conheçe melhor a sua cria e as reacções com a convivência, de anos eles dão-nos sinais...
Bjos

Mina disse...

Noris
Foi isso, aquela imagem do chocolate ainda não lhe saiu da cabeça, porque para além da excelente memória visual, pôs em prática a parte sensorial.
Acho que reagiou assim por falta de treino.
Mas vai voltar á normalidade.
Ninguém lhe diga por exemplo que têm de comer tudo , porque ele mesmo que esteja mal disposto, ele vai tentar faze-lo, e lá tenho de estar para mandar parar...
Às vezes tenho de lhe retirar mesmo prato, é inexplicável este não saber parar...
bjos

Mina disse...

Lobitas
Bem vindas,e que tudo corra pelo melhor, tenho visto a lobita a crescer...
beijinhos ás duas