Mãe e filho de mãos dadas trilhando os caminhos do autismo/asperger.
Numa partilha intimista e de coração aberto em sonhos e desalentos, numa vida vivida...
Ter um filho asperger não é o fim do mundo, mas o princípio de uma nova vida...
Valorizando os afectos...

quarta-feira, 5 de maio de 2010

A nova mãe- galinha


«Uma mãe nunca pode amar de mais um filho.
Mas, para que ele se sinta bem na sua pele e seja capaz de amar, deverá ela ser calorosa e presente ou mais discreta, reprimindo um pouco o seu talento para o amor?
Ora longe de ser um peso ou um obstáculo, o amor de uma mãe pelo filho é não apenas uma necessidade fundamental, mas também a condição do seu bom equilibro e do seu êxito como homem. Porque as mãe amantes e fortes permitem aos seus filhos tornarem-se igualmente fortes e sensíveis.
Mamãs de toda a parte confiem portanto em vós próprias quando tiverem sentimentos ternos, apaixonados e mesmo sub-repticiamente amorosos em relação ao vossos filhos!»
sinopse do livro

Como o dia da mãe é todos os dias xD.
Hoje é que resolvi presentear-me e este foi mais um livro, para o meu "monte":)))
O post abaixo é um teste deste mesmo livro.

4 comentários:

Helena Bento disse...

Bom dia,

O meu nome é Helena Bento e sou estudante em Ciências da Comunicação na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa.
Numa das cadeiras do curso foi-me pedido que escrevesse uma reportagem, com tema à escolha, e cujo objectivo passa pela publicação num meio de comunicação social de expansão nacional.
Interessei-me pela Síndrome de Asperger ao vê-la abordada num filme. Até esse momento, e à semelhança do que acontece com a maioria dos portugueses, desconhecia esta Síndrome. Resolvi, portanto, abordar o tema.
Em pesquisa pela Internet, encontrei este blogue que, de certa forma, partilha com o seu filho e onde ambos testemunham uma realidade vivida de bem perto.
Assim, gostaria de saber se estaria disponível para responder a algumas questões. Em caso afirmativo, peço-lhe que entre em contacto comigo através do e-mail: helenabento_@hotmail.com.
Acredito que o seu contributo será fundamental para o meu artigo.

Muito obrigada pela atenção.
Com os melhores cumprimentos,
Helena Bento

Mina disse...

Olá Helena

Terei todo o gosto em colaborar, e dou-lhe desde já os meus parabéns pela escolha do tema, que é de facto como diz, ainda pouco conhecido e que ainda vaguea em campos poucos confusos, na sua ligação ao autismo que é intrinseca.Mas isso seria uma conversa para desenvolver. Irei lhe enviar o email para o qual podera enviar as questões. E estarei inclusive disponivel para lhe responder pessoalmente. Assunto que abordarei no email que lhe enviar.

bjos

Fê-blue bird disse...

Mãe-galinha, um título que não vou esquecer, mais um livro a comprar!
Um beijinho

Mina disse...

Fê blue bird
Acho que isto é uma doença lool, não posso ver um livro a olhar p'ra mim e tenho de comprar.
Não tinha comprado para o dia da mãe foi este e outro para colecção, este parece-me muito interessante aborda a educação e ainda por cima estava em saldo kkk
Vamos a proveitar a feira do livro rsss
bjos