Mãe e filho de mãos dadas trilhando os caminhos do autismo/asperger.
Numa partilha intimista e de coração aberto em sonhos e desalentos, numa vida vivida...
Ter um filho asperger não é o fim do mundo, mas o princípio de uma nova vida...
Valorizando os afectos...

domingo, 7 de outubro de 2012

"Calculadora"


Quando vamos às compras,recorro quase sempre ao Bruno para conferir o troco.
Que rapidamente, qual calculadora, me faz as contas do valor que temos a receber.
Até a senhora do mercado ficou admirada:)
O jeito que ele lhe dava:)

8 comentários:

quem és, que fazes aqui? disse...


E ao ministro das finanças!!! Já pensaste nisso?

Beijo

Laura

São disse...

A mim também me dava jeito, rrss


A foto é do mercado das Caldas da Raínha?

Bom resto de domingo para vós.

Fê-blue bird disse...

Prima:
Um talento tão raro :)

beijinhos e boa semana para todos

Mina disse...

Laura

Demasiado rigoroso para ocupar tal cargo!
Era devorado pelos abutres.
beijinhos

Mina disse...

São

Ah!Pois mas já está reservado:), Até porque sem ocúlos nem reconheço as moedas, e assim tenho garantia que está certo:)

É sim o mercado tradicional ao ar livre da fruta nas Caldas da Rainha.

beijinhos e boa semana

Mina disse...

Prima Fê

Ele sempre foi excecional em cálculo mental, desde criança que revelou essa aptidão, os números sempre lhe foram mais fiáveis que as palavras.
boa semana
Beijinhos

Rainbow Mum disse...

Tenho que pedir ao Bruno que me trate do IRS deste ano :) Pode ser que encontre uma fórmula mágica para não pagar tanto :) Beijinhos

Mina disse...

Rainbow Mum

Quando ele encontrar a formula , não divulgo rsss é sigiloso:)
Mas ele ajuda-me a preparar e a organizar os papéis para o IRS, quando lhe peço, poem tudo por ordem e faz as somas das despesas de educação e saúde, mas parece que isso, já não conta nada;)

Este ano deve ter falhado nos calcúlos, mentira, não foi ele foi a empresa é que deduziu duas vezes a dedução específica o meio subsidio de Natal ( foi inteiro), e por isso fomos convocados para segunda análise e já lá vão 4 meses( viram que temos tudo correto) mas ainda não fomos ressarcidos, nem desse valor em duplicado, nem do valor que tinhamos a haver.
Enfim, claro que já lá fui perguntar, que não estava esquecido;) e desde então já passou mais um mês.

beijinhos