Mãe e filho de mãos dadas trilhando os caminhos do autismo/asperger.
Numa partilha intimista e de coração aberto em sonhos e desalentos, numa vida vivida...
Ter um filho asperger não é o fim do mundo, mas o princípio de uma nova vida...
Valorizando os afectos...

terça-feira, 1 de outubro de 2013

Fomos, a votos!

Domingo, foi dia de eleições autárquicas, toda a gente sabe !
Também sabem, que a grande maioria, não foi cumprir , esse dever cívico,
Adiante! Nós fomos.
A maioria  dos que se abstiveram, estão descontentes, com as politicas, não necessariamente, com os partidos (  tal como nós).
Tendo , nós a oportunidade, de poder contribuir para uma mudança, optamos, por apoiar um movimento independente. (de que falarei noutra publicação)

Mas o que queria mesmo explicar. e,é para isso, principalmente que serve este blogue, como se comporta , o rapaz no acto eleitoral.

Não menosprezamos o treino, do comportamento, reiterando a regra do voto secreto, e que não se pode falar na área circundante às assembleias de voto sobre o assunto.
Tendo nós, desta vez apoiado um movimento de cidadania, não havia dúvida em quem ia mos votar, inicialmente, tinham nos dito,  que seria o primeiro a aparecer no boletim ( o que não correspondeu á verdade), e, estava mesmo em quarto.
Havia também a possibilidade do símbolo, não estar exactamente igual, ao que tínhamos visto e usado na campanha eleitoral, a diferença seria mínima, ainda assim alertei, para essa eventualidade de poder ser retirada a chama do símbolo ( o que também, não aconteceu), mas tenho que precaver , todas as possíveis,  alterações.
Ensaiamos, mais uma vez a dobra dos boletins em 4 partes.

Já ao final da tarde, dirigimos à assembleia de voto, desta vez conhecemos, mais gente.
Gente essa, que pode fazer, parte do movimento, que apoiamos, e que estará, nas mesas de voto, começo a ficar "pilha  de nervos" ( não quero que ele corra riscos nenhuns) mais um alerta para aquela cabecinha : vais fingir, que não conheces ninguém, isto para evitar, que ele fale no movimento .

Já ia planeado, ser eu, a primeira ir à sala votar, e depois iria com ele, ou arriscaria , enquanto eu ficasse, numa sala, ele ir á  outra.

Tivemos sorte, desta vez, a sala era a mesma, e só estava uma pessoa, atrás do biombo, atraso-me, propositadamente um pouquinho, para dar tempo à pessoa sair, para ver se consigo, que sejamos os dois nos biombos  ao mesmo tempo.
Entrego-lhe a carta, e o cartão de cidadão, vou eu, à frente, que assim posso controlar o tempo, ainda estou  a dar os meus dados, já ele está  a querer entregar os dele, notasse logo ali a diferença ( e a caneta, a preocupação da caneta), há caneta atrás do biombo, diz o presidente da mesa.

Lá cumpriu o seu dever cívico, desta vez ainda com maior convicção, e interesse, estava a votar em pessoas, que conhecia, e se tornaram seus amigos, o acarinharam durante a campanha, e não podia falhar.
Voltei a empatar -me um bocadinho atrás do biombo, para lhe dar tempo a dobrar os boletins e sair-mos quase ao mesmo tempo.
Missão cumprida, fomos acompanhar os resultados, na sede, estando ele muito  preocupado  em frente ao televisor ,e a consultar, pela internet, ao mesmo tempo.
Meu rico filho, nas coisas que esta mãe, o mete :)
Igual aos outros, com mais convicção.

Há quatro anos foi assim :http://asperger-eu.blogspot.pt/2009/10/2-acto-eleitoral.HTML
outros actos eleitorais : 1º. vez : 3ª. vez : 4ª vez .

6 comentários:

Silvia Pereira disse...

Olá, por aqui também fomos cumprir o nosso dever e como em tudo levamos a nossa pequena,ela vai para todo o lado comnosco e como tal foi. Correu super bem portou-se lindamente.Aliás foi há vez com os dois, estava um pouco atrasado e lá estávamos na fila da entrada da sala há espera. Primeiro foi o pai e lá foi ela junto, depois eles já estavam a sair quando eu entrei e pensando eu que ela ia ficar há espera.... Que nada deu meia volta e foi novamente comigo:-)

São disse...

Parabéns, gostei de saber que o Bruno vota.

Abstenção para mim é entregar a outros o meu destino e o do país de mão beijada e , ainda por cima, perder o direito ao protesto!

Abraço a ambos.

Mina disse...

Silvia

faz muito bem em leva-la, já vai fazendo treino no local.
E ficar consciente...
Beijinhos

Mina disse...

São

O Bruno, vota é mais consciente, que muitos portugueses e ele sabe que está mal.
E ficou triste, por ficar tudo na mesma.
O senhor Dr. Eleito,é aquele que o desprezou.
A democracia é assim , somos obrigados a conviver com isto.
Mas ele (Bruno), já fala em mudar de cidade, porque se estavamos mal, vamos ficar pior, com esta figura arrogante, prepotente.
Não, vamos baixar os braços, depois do desalento, vamos batalhar, para que na próxima, já não seja assim.
Embora, me pareça que este mandato, se vai prolongar por 12 anos, que já apresentou , o programa para os 3 mandatos.
E aqui o caciquismo e populismo impera.
Beijinhos

São disse...

Que tristeza, realmente!

Ah, mas não desistam!!

A maior parte das pessoas está embrutecida por programas idiotas ( até na RTP!!!) e por doses cavalares de futebol( e eu até gosto do jogo)

Enfim...

O meu abraço solidário para vós

Mina disse...

São

Grande parte da juventude, não vai votar, têm mais que fazer.
E não à uma educação cívica para a cidadania.
Outras pessoas, demitem-se por estarem fartas , e deixam nas mãos de alguns a decisões.
Assim sendo, resta meia dúzia de "loucos", na oposição , e resto são os amigos, e os amigos dos amigos, como diz o Dr. Paulo Morais, que vão votar nos mesmos, e fica tudo na mesma.
Beijinhos e obrigada, pela sai solidarieade