Mãe e filho de mãos dadas trilhando os caminhos do autismo/asperger.
Numa partilha intimista e de coração aberto em sonhos e desalentos, numa vida vivida...
Ter um filho asperger não é o fim do mundo, mas o princípio de uma nova vida...
Valorizando os afectos...

quarta-feira, 4 de novembro de 2009

Estou a perder faculdades?!...

Ou a ser demasiado crente, quem diria, eu que dou negas a todas as chamadas que me querem oferecer ou vender coisas...
Obrigado, escusa de perder o seu tempo não estou interessada, é sempre a minha resposta pronta...
Mas desta vez ia caindo na "esparre-la", ou mesmo caí.(que burra)
Liga-me uma senhora com voz simpática...
-Falo da clínica do bem estar, estamos a fazer um rastreio gratuito sobre o AVC, sabe o que é o AVC?!...
-Respondo , que sim que até tenho casos na família chegados, a mãe, e que conheço bem e que estou certamente nos grupos de risco.
Pergunta--me a idade e a do conjugue, até me engano na idade do marido que fez anos a dias mas o meu "toquinhas" que está sempre de orelha á "coca" alerta-me logo que o pai tem mais um ano kkkk
Quais são aos nossas actividades profissionais
Quer-me convencer a ir com o marido.
Digo-lhe que eu estou dísponivel para ir ,mas o marido não, que faz todos os anos o rastreio a todas as doenças na empresa em que labora...
E que mesmo na empresa faz os exames porque é obrigado,contei-lhe que até foi convocado para levar a vacina da gripe A e recusou.
Muito menos iria ali, fazer o rastreio, e a senhora insistia para que eu o convencesse kkk
Mais tarde ligo a uma amiga e conto-lhe o sucedido, e ela diz-me que também tinha sido contactada, mas quando referiu que ela e o marido estavam desempregados.
A dita senhora lhe disse que apesar de estarem em grupos de risco, não teriam disponibilidade!...
Pois estavam os dois desempregados... Afinal, não era gratuito...
Concluímos então que era daquelas empresas de vendas agressivas, que usam a saúde, para chegar às vítimas...
Cuidado, que eles cada vez estão mais elaborados...
Infelizmente, temos de viver a duvidar e não acreditar no próximo...

11 comentários:

Mina disse...

Felizmente acabei por não ir, porquê para enganar só dava se fosse o casal...
Valha-me Deus no que eu me ia meter...
Apesar disto ser um assunto que nada tem a ver com a temática do blog resolvi conta-lo, porquê jamais me imaginaria a cair numa armadilha destas.
E já me senti "caçada", vai-me servir de lição concerteza, eu que pensava que só acontecia a pessoas de uma certa idade...
Estou mesmo a ficar velha caduca...

Estrumpfina disse...

Olá Mina,

não está caduca. A história é sempre muito bem contada.

Não há nada como dizer que está desempregada. Ninguém vai ver se é verdade ou mentira e assim não se chateia nem tem de inventar desculpas.

bjs

avogi disse...

Mina
Aqui em casa funciona o da empregada doméstica. Sou sempre a empregada da senhora e a senhora não está "deixe recado para eu lhe transmitir quando a senhora chegar". é remédio santo. e logo perguntam:"A que horas chega a senhora?" "Não tem horas de e chegar" LOL

Mrs_Noris disse...

Foi por essas e por outras que mudei o meu número de telefone fixo para confidencial. A partir daí acabou-se a conversa fiada.

Mina disse...

Estrumpfina
Eles até parece que apanham as nossas fragilidades,também ninguém me manda ser hipocondríaca xD
A minha salvação foi mesmo actualmente estar desempregada, daí a insistência dela para eu convencer o marido a acompanhar-me kkkk
Mas assim fiquei alertada para as minha estúpida ingenuiedade, que estava a acreditar no conto do vigário...
Até porquê eu nem sou nada faladora kkk e ainda por cima a minha primeira experiência no mercado de trabalho teve a ver com divulgação e prospecção de mercado( que era feita porta a porta com papel e caneta) nos meus tempos de estudante para ganhar uns trocos, e gostava que me recebessem bem, por isso faço os possíveis para ser prestável e educada...
Mas os tempos são outros, e vou mesmo ter de mudar de postura...
bjocas

Mina disse...

Avogi
Lool
Por acaso só hoje soube do resultado dessa frase que parece resulta na perfeição uma amiga utiliza-a, vamos ver senão me esqueço dela...
E que o meu Bruno não ouça,o que até verdade eu sou a Olívia patroa e a Olívia costureira kkkk
E os horários também é importante não referir, não tarda nada começam a estudar outros esquemas, para nos ludibriar...
Bjocas

Mina disse...

Noris
Realmente, o telefone nem está no meu nome kkkk
Se eu não fosse "cegueta", via o número no visor e não atendia...
Acho que qualquer dia viro mal educada e esqueço os meus principíos e começo a desligar o telefone sempre que não reconheça a voz...
Mas aquele meu "trauma" de adolescente faz-me sempre ser prestável, que tinha gente que não abria a porta, outros batiam com a porta na cara kkk, sempre desconfiados, e também havia os simpáticos até porque não tinha cara de vigarista rsss e isto já lá vão mais de 30 anos como referi á Estrumpfina kkkk
bjocas
Ah e telefone na lista até dá jeito, foi assim que reencontrei uma amiga que andou perdida no tempo 20 anos, e foi através da lista que a encontrei se fosse agora já lá não estava kkk
bjocas

Mrs_Noris disse...

Ora Mina, então e a Internet e suas redes sociais? Não há nada melhor para reencontrar amigos e familiares ;))

Mina disse...

Noris
Oi kkk, eu não entro em redes, ainda sou há moda antiga rsss
Ando por aqui nem sei bem como, fui "arrastada" e esta minha amiga também não a ia encontrar na net. A ela nem no msn ainda é mais fechada que eu...
Não sei ainda medir a perigosidade do sistema.
Ainda à dias ouvi numa reportagem embora noutra faixa etária, mas a utilização do ciber- bullying...
É um mundo muito extenso e sem rosto, nem sequer voz...
Talvez seja um tema bom para explorar...
Bjocas

Margarida disse...

Eu respondo sempre que não estou disponivel e que tenho comida no fogão, ou as miúdas para dar jantar, ou banho (eheheheheheh!!!!)- eles não podem ver que as meninas já têm 17 e 14 anos, e não precisam de ajuda.
Bjs

Mina disse...

Margarida
Bem-vinda
Essa é também uma boa técnica, desde que não tenha um filho Asperger por perto kkkk
Que não deixa passar nada, já viu que ele nem deixou que o pai ficasse mais novo um ano kkk
E quando ligam e eu digo que o pai não está, ele desbroncasse logo kkk
O que vale o "cusquinho" nem sempre está por perto kkk
Ora aqui tenho a mãe que me convêm kkkk com filhotas na fase complicada a minha tem 15 e nem deixa entrar no wc, nem para lavar as costas kkk
beijocas e volte sempre