Mãe e filho de mãos dadas trilhando os caminhos do autismo/asperger.
Numa partilha intimista e de coração aberto em sonhos e desalentos, numa vida vivida...
Ter um filho asperger não é o fim do mundo, mas o princípio de uma nova vida...
Valorizando os afectos...

segunda-feira, 30 de abril de 2012

Caminhadas organizadas



Tem sido com muito agrado que temos participado em caminhadas organizadas.
Uma forma saúdavel de exercicío e convivío.
De conhecimento histórico e da biodeversidade, ontem falamos de agricultura biológica.
Esta foi a nossa segunda participação no grupo.
Numa prova de resistência, com cerca de 10kms em terrenos que de outra forma, não explorariamos.
Com subidas e descidas de alguma forma acentuadas, com chuva e lama , o que torna estes caminhos numa aventura.
Mesmo cansados ficamos felizes por ter-mos conseguido participar e ultrapassar os obstáculos.


Desta vez juntamo-nos no repasto, numa grelhada mista...
Sim! porque nós merecemos, repôr as energias:-)

2 comentários:

Fê-blue bird disse...

Prima que maravilha, a minha filha é que ia adorar estas caminhadas, eu não tenho pernas para isso :)

beijinhos

Mina disse...

Prima Fê
Não acredito, que uma bailarina não tenha pernas:-)
Eu sempre pensei que fosse mais facíl, estamos habituados a andar, mas não é nada a mesma coisa, e as pernas e coluna vão aguentado, as dorzitas vem no fim, é uma prova de superação, estão lá pessoas mais velhas eu diria até bastante mais velhas que nos dão o exemplo.
O meu maior receio é da máquina, que nas subidas lhe falta o combustível, e esta teve bastantes, mas nada será por acaso e a chuva nesse aspecto ajudou-me.

Não tenho dúvidas que a sua filhota ia adorar, e por falar nela eu por acaso não faço parte, mas há um grupo de uma biológa mais restrito e mais especifico.
Há pessoas que bem de propósito de Lisboa fazer estas caminhadas mensais, pelo meio vai havendo umas extra...

Bjinhos