Mãe e filho de mãos dadas trilhando os caminhos do autismo/asperger.
Numa partilha intimista e de coração aberto em sonhos e desalentos, numa vida vivida...
Ter um filho asperger não é o fim do mundo, mas o princípio de uma nova vida...
Valorizando os afectos...

quinta-feira, 15 de março de 2012

"Primavera AZUL"



Já algumas vezes,o tenho referido,este "Aspie" não é igual aos outros!
E que gosta de descobrir novos caminhos de se aventurar por novos locais.
Desde que tem a sua bicicleta de carga( 3 rodas) já fez muitos kms, aproveitamos esta primavera antecipada para pedalar.
Ùltimamente, estes passeios incluem muita estrada de terra batida, pelo meio da floresta, para fugir ao tráfego e à poluição( as coisas que a mãe lhe mete na cabeça),de vez enquando quando passa um acelerado apanhamos kgs de pó;).
A escolha dos trajectos também fica muitas vezes ao critério dele, nós vamos a atrás sem saber para onde, nos leva:-)(às vezes damos voltas e voltas e vamos sempre parar ao mesmo sitío rssss
Ontem foi uma dessas tardes, de passeio...
No assento detrás da bike do pai: Comento precisamente o caso do nosso filho gostar de encontrar novos caminhos,, não é comum nos "Aspies" que gostam de rotinas.
Pois!
Responde-me o pai: esconde-te e vais vê-lo aos gritos
È um facto que ele gosta de descobrir, mas com uma rectaguarda atrás, tanto que basta não nos ver para ficar aflito.
Até mesmo na rua de acesso a nossa casa, manda-mos-o avançar. e ele fica sempre à espera ao fundo da mesma.

9 comentários:

AvoGI disse...

Mas o teu filho é assim (diferente dos outros) devido À tua insistência perseverança e amor por ele. e nao digo mais nada, nao necessito pois não?
kis .=)

acácia rubra disse...

Isso é que foi!

E fizeram muito bem, pedalar e deixar que seja o mais novo a traçar caminhos.

Beijo

Mina disse...

Avogi
Secalhar, não é tão diferente, como o pai me fez ver, eu é que vejo com outros olhos;)
Precisa da segurança e protecção que lhe proporciona-mos ou não se aventurava:-)
Bjinhos

Mina disse...

Acácia
E sabe nos muito bem estas aventuras, liberta um pouco olhar mos para o lado...
Beijinhos

Visite www.arteautismo.com disse...

Isso Mina , sempre ajudando Bruno viver mais plenamente a vida.
Eu gosto muito de ver que ele é esforçado e consegue ser e fazer.
E voce é uma mãe presente e amiga.
Fico muito feliz com o exemplo de voces.
Pedala Bruno, vai em frente! Isso é saúde , isso é felicidade, isso é viver.
Mil beijinhos pra Ti Mina querida e para Bruno.
Ray

São disse...

Tive pena de saber que o actor que interpretava o pescador, faleceu recentemente.

Bom final de semana

São disse...

Não lhe disse há pouco, mas digo~lhe agora que a admiro nessa sua luta para que o seu filho tenha uma vida o mais aberta possível.

O meu apertado abraço para si e para ele.

Mina disse...

Amiga Ray

O Bruno é obstinado muito mais que a mãe, quando quer uma coisa raramente "desgruda", e ele quiz muito o triciclo, chegamos a ir á fábrica para o comprar.
Mas ás vezes quer muito e depois desliga, mas este levou muito a sério a juntar ás preocupações de saúde:-) O exercicío é saudável;)
bjinhos

Mina disse...

Olá São
Está a falar de um filme que fala de autismo!?Era um chinês!?

E obrigada pelo elogio, mas faço apenas, para que ele esteja presente neste mundo, que há muito o hábito de dizerem que estas pessoas vivem num mundo à parte, o que não é verdade.
Só se assim o permitir-mos que eles se isolem, a aceitação começa por nós, não esconde los.

bjinhos e bem vinda