Mãe e filho de mãos dadas trilhando os caminhos do autismo/asperger.
Numa partilha intimista e de coração aberto em sonhos e desalentos, numa vida vivida...
Ter um filho asperger não é o fim do mundo, mas o princípio de uma nova vida...
Valorizando os afectos...

terça-feira, 15 de dezembro de 2009

"Dúvidas?!..."



Ás vezes assalta-me uma dúvida persistente?!...
Quando me dizem que criei expectativas.
Será que querem dizer, uma não aceitação?!...
Não era suposto, tê-las?!...
E ainda mais, acreditar nelas.
Ás vezes sinto-me enlouquecer...
Até porquê parece que só eu, consigo ver...
As capacidades deste meu filho...
Se também vejo as dificuldades...
Vejo, claro que vejo!...
Mas não me parecem impeditivas.
De preconizar uma saída mais profícua.
Ou, não fosse "todo mundo" ter algo a esconder?!...

8 comentários:

avogi disse...

mina
Perfeitamente aceitável todas as duvidas. Mesmo que os nossos filhos não tenham síndromas as dúvida aparecem, seja por atitudes seja por comportamentos. É saudável as duvidas mostra que nos preocupamos com eles.Ai daqueles que acham que os seus filhos são perfeitos . Esses vivem na ilusão e na penumbra da vida.

Margarida disse...

Mina
Por favor não afogue as suas esperanças... isso seria mau para o Bruno.
É muito natural essa sua necessidade de proteger o seu filhote. E ele conta consigo. É pena, que esta sociedade onde vivemos, tenha perdido a capacidade de elogiar as qualidades e se concentre só em apontar as dificuldades e defeitos.
Continue lutando e sonhando com essa sociedade mais inclusiva, onde os todas as crianças terão acesso à igualdade de oportunidades e a uma educação com qualidade.
Imagino o turbilhão de emoções que a vida lhe causa, mas continue sendo assim...verdadeira.

Mina disse...

Avogi
Ás vezes acho que pensam que eu sou utópica, por traçar objectivos, daí me assaltar sempre esta dúvida, não que me importe muito porque continuo a ser teimosa ainda que não tenha resultado até a data.
Até porque tenho consciência, de que á coisas em que eu não estou expectável: que o meu filho alguma vez tire carta de condução, que o meu filho constitua familía, que o meu filho seja completamente autónomo e independente ...
Mas há uma coisa que não abdico, e sei, que ele é capaz de estar em emprego protegido, é capaz de laboral em áreas específicas, considero possível que ele exerça uma ocupação profissional limitada aos seus interesses e capacidades.
Serão estas demasiadas expectativas?!...
bjocas

Mina disse...

Margarida
Não será legitmo fazer-mos projectos?!...
É que esta coisa de eu criar expectativas, faz-me soar, a que eu não aceito o meu filho tal qual ele é, e que exigo e obrigo a mais do que aquilo que ele potencialmente é capaz.
Não nego que o seja exigente, mas é porque acredito e não me contento com pouco, e se nos surgiram algumas dificuldades durante a escolaridade que foram ultrapassadas, com a ajuda de alguns professores, dos quais terei de destacar sempre a Isabel Farinha, ainda no ensino básico, muitos outros professores houve que não o aceitaram de bom grado, alguns acabaram por render-se...
Na fase adulta, as coisas complicam-se porquê a não percepção do socialmente correcto,e de que muitas vezes a verdade não pode ser revelada, dificultam também o processo de inclusão.
Um dia destes até a mãe é excluída, por pensar e refletir nestes pensamentos rsss
Esta sua última frase, trasmite de facto o que eu sinto muitas vezes, alías acho que sempre e que eu até já referi, que este meu percurso de vida, se assemelha a um turbilhão de emoções, sensações, eu sei lá , é um vazio tão cheio...
Bjocas e obrigada pela força

avogi disse...

Não esmoreça. E até pode constituir família e porque não? Nada é impossível. Ah, e obrigada pela lembrança do "ouvi dizer" no blogue da Margarida. ainda me ri...

Mina disse...

Avogi
Não é esmorecer.
É prova que eu tenho noção de até onde ele pode ir, e não fico triste por isso.
Fico triste, é por saber o que ele é capaz, e aí não lhe darem oportunidades, isso é que me angustia.
Pois é, se o Vitorino Nemésio ficou conhecido "Pelo se bem me lembro", e eu espero não estar enganada, e ser mesmo dele esta frase rsss
A Avogi, fica registada como "ouvi dizer" kkk
bjocas

Margarida disse...

Mina
O new look do blog está lindo!!
Ainda não sei fazer essas coisas...estou à espera que a avogi me dê umas aulas.
Bjs

Mina disse...

Lool
Obrigada Margarida...
Já consegui, pôr tudo no sitío, sem ajuda da mestra Noris kkk
É que ela ia zangar-se com a minha teimosia rsss
Desta já me safei lool
Bjocas