Mãe e filho de mãos dadas trilhando os caminhos do autismo/asperger.
Numa partilha intimista e de coração aberto em sonhos e desalentos, numa vida vivida...
Ter um filho asperger não é o fim do mundo, mas o princípio de uma nova vida...
Valorizando os afectos...

quarta-feira, 8 de julho de 2009

Porquê ?...Não há vacinas para todos?!...



A gripe A, continua a dominar as preocupações do Bruno, tanto que resolveu escrever mais uma vez sobre ela...
Mãe Mina

O número de casos de Gripe A, cá em Portugal não pára de aumentar, tiveram mesmo de encerrar uma creche nos Açores e outra em Lisboa, uma delas durante uma semana e a outra durante duas semanas, por causa da gripe A.
Da maneira como a gripe se está a propagar, qualquer dia o mundo pára.
E as lojas, as escolas têm de fechar como medida de precaução.
Uma vez tive de ficar uns dias em casa ,sem ir ao CAO, por causa de um surto de gastroenterite e qualquer dia pode acontecer o mesmo com a gripe A.
Eles já fizeram uma pré-reserva da vacina contra a gripe A, mas ela só estará disponível em Dezembro e não em Outubro como estava previsto e apenas dão a vacina da gripe A, a 30% dos Portugueses, o que acho injusto.
Eu acho que toda a gente devia tomar a vacina da gripe A, assim como toda a gente toma a vacina da Hepatite B ou do Tétano.
O facto de nem todas as pessoas puderem levar a vacina da gripe A, faz com que as pessoas, que não levem a vacina, fiquem infectadas mais facilmente pela gripe A.
Porque razão a vacina da gripe A não pode ser tomada por todas as pessoas?
Nos vossos comentários dêem-me a resposta a esta pergunta.
Bruno V

22 comentários:

Mãe Sisa disse...

Bom dia Bruno e Mina,
Eu partilho a preocupação com a gripe A e com a falta das vacinas.
Sei que o meu filho pertence ao grupo prioritário para receber a vacina, porque é doente crónico, mas como a vacina só chegará no final do ano não sei como será o Outono... E além disso, também acho que o Ministério da Saúde devia contar com mais vacinas, para mais pessoas, porque por exemplo, o meu fiho João levará a vacina mas eu e o meu marido não... e qualquer pessoa que contactará connosco pode ser portadora do virus. Tenho esperança que daqui a pouco tempo (e com o aumento do nº de casos) que aumentem a encomenda das vacinas. Por norma o virus só se transmite a pessoas que já têm alguma debilidade física... Vamos pensar positivo!
Além disso, há coisas que podemos fazer para evitar o contágio: como lavar muito bem as mãos, não espirrar ou tossir para cima das pessoas, utilizar lenços de papel, enfim todas as medidas que estão disponíveis no site que a Ms_Noris já te indicou.
Beijinhos

Estrumpfina disse...

Bruno,

eu também começo a ficar mais preocupada com a gripe A.

Também não sei porque razão é que só os grupos de risco deverão ser vacinados.

bjs

Mina disse...

Mãe Sisa
Temos de continuar a viver, e não nos limitar-mos até o virus no atingir.
Mas lá que é assustador lá isso é.
E a dúvida do Bruno até tem algum fundamento.
Também não percebo mas isto eu mãe, o que será mais dispensidoso, se arranjarem planos nacionais de vacinação, ou estar a tratar as consequências e efeitos desta gripe.
Ainda bem que os doentes crónicos ao menos têm alguma protecção,já são bastante "penalizados", pela sua condição física.
O problema é que não consigo agora tirar mais esta obsessão do Bruno, que a saúde fisica para ele é fundamental, é pouco resistente no pensamento, e também fisicamente.
Até a gripe estar controlada, já sei que vou ter todos os dias de ouvir a mesma conversa.
Bjocas

Mina disse...

Estrumpfina
Além da parte da gripe A, está mais uma demonstração de um Asperger.
O sentido de justiça, eles não comprendem porquê que há coisas que são só para alguns, e o saber que não estará incluido no grupo dos protegidos, deixa-o mais instável, mesmo em termos de comportamento.
Esta Gripe já figura nas prioridades dele, quer ver tudo sobre a gripe A, ler sobre, estar informado o mais possível... O que o faz sofrer por antecipação...
Por mais que eu tente dar-lhe a volta :))
Bjocas

BrunoV. disse...

Mãe Sisa e Estrumpfina,
Obrigado, pelas vossas opiniões.
Os casos continuam a aumentar e continuo preocupado porque eles prevêm que um quarto da população venha ficar infectada com o vírus da Gripe A e provavelmente vai matar pessoas cá em Portugal.
Beijos

Mrs_Noris disse...

Bruno,
O secretário de Estado da Saúde garantiu hoje que os portugueses terão acesso à vacina do vírus da gripe A nas mesmas condições dos restantes países europeus, ou seja, haverá vacinas para 30% a 40% da população.
Temos de ter fezada e adoptar aquelas medidas que podem evitar o contágio.
Beijos.

Mina disse...

Noris
Lool,
O Bruno já está na cama, mas quando lhe fui preparar a roupa, falei no comentário.
Ele disse: estás enganada xD, porque eles não garantem a 100% rsss.
Os 30% a 40%, são insuficientes na perspectiva dele.
E assim continua inseguro, porquê faz parte do grupo dos não abrangidos...
E hoje esteve muito curioso para saber o que aqui escreviam.
Esperaria algum "milagre", os 100% xD
Vamos ser fortes, e ter cuidado com os resfriados, aqui da zona ventosa.
Bjocas

Nota :eu transmiti bem as percentagens ihihihi

Anónimo disse...

Porque é que não há vacinas para todos:

ao que sei, as vacinas são produzidas à escala mundial (pelo menos, a da gripe normal é). Ora, não seria possível produzir em tempo útil vacinas para 6 mil milhões de pessoas (quando elas estivessem prontas, já a infecção teria se espalhado por todo o mundo). Logo, o mal menor é produzir vacinas só para alguns (é melhor do que acabar por não produzir vacinas a tempo para ninguém).

De qualquer forma, acho que não está provado que a "gripe A" seja mais perigosa que a gripe que aparece todos os anos, logo talvez não valha a pena preocupar-nos muito com isso (eu nunca tomei a vacina para a gripe e até agora tenho-me dado bem).

Espero que tenha sido útil.

Mrs_Noris disse...

A última parte do comentário do anónimo faz sentido e deixou-me bastante mais tranquila. Todos os anos morrem pessoas com gripe. Especialmente os idosos.
Prevenção na medida do possivel, e se eventualmente nos sentirmos engripados não devemos esperar que a coisa se cure com chás e aspirinas. Ala ligar para o 808 24 24 24 e seguir as instruções que forem dadas.
Don't Panic! rssss
Beijos.

Mina disse...

Anónimo

Claro que é útil, e muito válida a sua explicação, e eu mãe também quero acreditar e estou até confiante que será uma gripe mais ou menos comum.
Embora as notícias que passam sejam um pouco alarmistas no sentido falarem diáriamente em novos casos.

Só que isto na cabeça do meu filho têm outra dimensão, onde o que mais conta são os números.

Estas confirmaçãoes de mais casos diária assusta-o, que acha sempre que pode ser ele um novo caso e tornando-se assim obsessivo, com o assunto.

Obrigado, pelo seu esclarecimento, penso que o irá tranquilizar, não ,o não haver vacinas para todos, mas o facto de não ser tão perigosa...
um abraço

Anónimo disse...

A respeito de números:

Até agora, cerca de 100.000 pessoas foram contaminadas com a gripe A e cerca de 500 faleceram (os dados podem ser vistos aqui).

Ou seja, a probabilidade de alguém infectado com gripe A morrer é de cerca de 0,5%.

Agora, a comparação: a taxa global de mortalidade em Portugal é de 10,62 por 1.000 habitantes, por outras palavras, cerca de 1%. Ou seja, todos os anos, em cada 100 portugueses, 1 vai morrer (por qualquer causa).

Assim, temos que, se alguém apanhar gripe A, a probabilidade de morrer disso é metade da probabilidade de um português escolhido ao acaso falecer nos próximos 12 meses por qualquer motivo.

BrunoV. disse...

Anónimo,
Até agora a gripe A, matou 1 pessoa em 200 que são infectadas. Mas isso não deixa de me preocupar.
Porque eu temo que quando o Inverno chegar este número possa mudar muito rapidamente e a gripe A, possa ser mais perigosa que a gripe espanhola de 1918.
Beijos

Mina disse...

Noris
A dedicação do Bruno a este tema é tanta, que está sempre desejoso de ver os comentários xD.
Até ficou "chateado" comigo, porquê que eu publiquei outro post, e que assim já não comentavam neste rsss
Sendo assim mãe agora tem de contribuir,para aumentar os nªs de comentários loool
bjocas

Mina disse...

Anónimo
O Bruno foi logo, ver o endereço que lhe deixou, e consultar o gráfico à direita do monitor...
Que é nos números que ele consegue perceber, as palavras baralham-no, e confundem-o.
E agora a par do site da metereologia, a wikipédia faz parte do seu roteiro diário, mas em ambos sites os gráficos e as tabelas, são os preferidos ,nas suas leituras.
Agora em relação ás probabilidades, ele é sempre muito negativo, e mesmo os 0,5% que ele refere, já acha muito.
Quando os média deixarem de dar tanta informação sobre o assunto, acho que ele irá acalmar, esta obsessão...
um abraço

Jorge disse...

eu ja comprei uma carabina, uns binoculos de visao nocturna e uma tenda estirilizada para ficar d quarentens.. mesmo assim se apanhar a gripe, processo o virus, a ministra e os mexicanos..sacanas, andaram a mandar pa ca a gripe. Gente, fechem-se em casa e nao saiam a rua nos proximos meses, nao vejam o sol, nao falem com ninguem e espreitem sempre pela fechadura caso batam a porta.
Por favor, voces deviam tomar uma vacina, mas era para a cabeça... deixem-se de alarmismos. nao fosse a comunicação social a dar estas noticias, andavam ai tds como cucos felizes da vida! mas nao, eles abrem tds os dias o telejornal com "mais um caso d gripe dos porcos bla bla"... falem nas outras doenças q atacam matam pessooas tds os dias e q causam mais morbilidade e tenham JUIZO.

Jorge disse...

aqui ao lado em espanha ja ninguem fala nisto..mas aqui os velhos do restelo é sempre a mesma merda...enfim, viva o pais dos F´s..futebol, fatima, fado...

Mina disse...

Caro Jorge
Bem-vindo ao Aspie's blog, a sua opinião é tão válida quanto as outras, aqui registadas, todos temos o direito a discordar e trocar opiniões diferentes. É até salutar.
Aqui sua opinião,só tem um senão, é, que o seu "humor negro", nunca será entendido, pela pessoa que escreveu o texto, que é Portador de PEA, ou seja uma perturbação de espectro de autismo no caso dele de alto funcionamento ou sìndrome de Asperger (SA), mas que em todo o caso ,não lhe permite entender essa sua forma irónica como tratou o assunto.
Mas eu mãe, entendi, e como tal, agradeço, que tendo em conta que este blogue é, e será sempre de partilha intimista e da verdade dos factos e pensamentos, não de Gripes A ou B ou sentidos alarmistas.
Retratamos apenas a realidade, e a forma como um caso particular de Síndrome de Asperger (SA), lida com os factos e acontecimentos que se passam no mundo que o rodeia.
Que como pode constatar é completamente diferente da sua. Este blogue têm informação no cabeçalho que retrata do que se trata, está penso eu devidamente identificado.
E se tiver alguma dúvida em relação a esta sìndrome, na qualidade de mãe e dentro dos meus conhecimentos, terei todo o gosto, em esclarecer.
Ainda assim neste e noutros blogues existe informação sobre esta sìndrome (SA).
Agradeço a sua visita, que penso que ajude a esclarecer pessoas que estão por fora do assunto da (SA), como me parece que o sr: esteja...
A minha função, será sempre esclarecer e não julgar...
Qualquer esclarecimento, volte...
Um abraço

Mina disse...

Puderia nem escrever isto. Mas talvez ajude as pessoas a chegarem mais perto da SA, e é nesse sentido que o faço.
As metáforas não são entendidads, por um Asperger, que traduz tudo no sentido literal. E até o termo carabina era para ele desconhecido. Depois da mãe ter traduzido para uma linguaguem acessível a ele.
E na brincadeira, embora com base no discurso anterior disse eu: Que o sr, ia comprar uma carabina e dar um "tiro" na ministra da saúde, por ter deixado entrar o virus( fazendo aqui também o humor negro), mas numa versão mais directa para ele perceber.
Resposta dele:Não vale a pena dar o "tiro" à ministra, vai haver eleições em breve, o sr. que vote noutra loool
Eu ri, parece que era para fazer humor, mas não era com toda a certeza.
Até, porque e aproveito para esclarecer, e não é nada de transcendente nesta síndrome, rirem quando é para chorar, ou vice-versa, sem ser no sentido de gozação, por isso esta síndrome ser de tão díficil coompreensão para quem está por fora...
Imagine, que a sua mãe acaba de falecer, e o seu "Aspie", chega ao pé de si e pergunta, porque estás a chorar, com os factos" in loco",como reagiria?!...

BrunoV. disse...

Jorge,
A Gripe A que mata pessoas lá isso mata. Em Espanha já faleceram 2 pessoas por causa do vírus e no Reino Unido algumas 14. E isto para não falar dos Estados Unidos e do México onde a Gripe A matou cerca de 500 pessoas. Como vês a gripe A pode matar. Eu gosto de estar em casa enfiado no meu quarto e ficar lá sossegado porque assim, como não saio à rua dificilmente apanho a Gripe A.
Um abraço

jorge disse...

quando li a respota da senhora "mae" nem sabia o que pensar...estaria a ser gozado!? mas achei q era brincar c coisas serias. vou me informar sobre isso e peço desde ja as minhas desculpas.
quanto ao brunoV, q esta tao alarmado com a doença, nao te preocupes... um AVC mata mais pessoas por dia em portugal q a gripe em tdo o mundo...ja agora a gripe normal mata mais q a gripe a... pense!

Jorge disse...

queria dizer senhora "mina"..

Mina disse...

Caro Jorge
Não têm de que pedir desculpa, alías só ter voltado e lido a resposta já terá valido a pena.
Ninguém nasce ensinado, eu possivelmente senão sentisse a realidade do que é viver e partilhar a vida com um ser tão especial como o meu filho, também não entenderia, tal como não entendo de muitas outras patologias.
Mas a Síndrome de Asperger é particularmente díficil, porquê de uma aparência comum, sem nenhuma visibilidade física aparente, pode aparecer um homem que sabe as capitais do mundo os climas etc (verdadeira enciclopédia ambulante) e que se preocupa obssesivamente com o clima, nesse mesmo espaço vive a criança que não sabe muito bem separar o bem do mal que vive numa ingenuiedade constante e perigosa, que não filtra as informações, embora eu lho faça enquanto os notíciarios abrirem com mais um caso de gripe A, ele vai ficar neste "pânico", até virem outras notícias...
Ontem já ficou mais optimista,por verificar que não se tinha registado nenhum caso novo.
Porque já fazia cálculos aos milhôes de infectados.
Obrigado, por ter reforçado a prática, de que há situações bem mais graves e letais que a gripe A, assunto que eu me debato diáriamente em explicar-lhe, mas esses não fazem "manchete".
E não se sinta de modo nenhum constrangido, em aqui se manifestar a sua opinião.
Pode me tratar po mãe, por Mina, não é importante, mas a sua opinião sim.
E qui ça, não vai ficar a conhecer mais desta "misteriosa e enigmática sìndrome", que convive ás vezes ao nosso lado, em familías iguais a todas as outras, apenas com este valor acrescido de ter-mos alguém muito especial.
Ás vezes eu também brinco, o que aqui não é o caso, deste discurso, mas gosto de uma boa piada, a vida sem humor não têm graça e o ter um filho especial não faz de mim uma mãe triste, antes pelo contrário com ele tenho aprendido a dar valor a cada pedaço de vida...
Agora veja bem que a preocupação dele é tão grande com esta gripe, que até o mãe fazer anos não o demoveu desta "paranóia"...
E agora eu é que peço desculpa se alguma forma, fui mais"dura"no comentário anterior, mas teria mesmo de esclarecer.
Penso que dê minimamente para perceber, que até no que ele escreve, aparece a parte mais técnica digamos assim a dos números que revelam pesquisa e conhecimento, e depois a parte emocional e social muito fechada, que é preciso muito desbravar...
E o estar no quarto, "envolvido nos papéis", é completamente comum, eles gostam de se isolar e ter o seu espaço...
um abraço