Mãe e filho de mãos dadas trilhando os caminhos do autismo/asperger.
Numa partilha intimista e de coração aberto em sonhos e desalentos, numa vida vivida...
Ter um filho asperger não é o fim do mundo, mas o princípio de uma nova vida...
Valorizando os afectos...

terça-feira, 25 de agosto de 2009

Volta a Portugal em Bicicleta



Acabaram as transmissões desportivas, a volta a Portugal em bicicleta e o campeonato do mundo de atletismo, que o Bruno acompanhou a par e passo, aliás o desporto que ele melhor pratica é do telecomando:)))
Aqui fica as impressões da volta, que não verifiquei mas que acredito, na memória dele que os dados estão correctos...
Mãe Mina

Até ao ano 1995 a Volta a Portugal em Bicicleta foi quase sempre ganha por ciclistas portugueses e a partir de 1996 foram os estrangeiros que passaram a dominar a Volta a Portugal em Bicicleta.
Em 1996 ganhou o italinano Massimiliano Lelli, em 1997 foi o polaco Zenon Jaskula, em 1998 foi o italiano Marco Serpellini, em 1999 foi o espanhol David Plaza, em 2001 foi o suiço Fabian Jeker, em 2002 foi o dinamarquês Claus Moller, em 2004 foi o espanhol David Bernabeu, em 2005 foi o russo Vladimir Efimkin, em 2006 foi o espanhol David Blanco, em 2007 foi o espanhol Xavier Tondo e em 2008 foi outra vez o espanhol David Blanco.
No inicio da Volta a Portugal em bicicleta os principais candidatos eram o David Blanco que já tinha vencido a Volta a Portugal em bicicleta duas vezes e o Hector Guerra que é um especialista no contra-relógio.
Depois do que eu vi na Volta a Portugal em bicicleta em 2008 em que o melhor português foi o Rui Sousa que acabou no sétimo lugar da classificação geral. Não estava nada à espera que fosse um português a ganhar este ano a Volta a Portugal.
Seis anos depois o vencedor da Volta a Portugal voltou a ser português e curiosamente quem ganhou a Volta a Portugal foi o mesmo ciclista que ganhou há seis anos nada mais nada menos do que Nuno Ribeiro.
Desde 1996 para além de Nuno Ribeiro, só Vitor Gamito venceu em 2000 a Volta a Portugal entre os portugueses.
Quem ganhou mais vezes a Volta a Portugal em bicicleta foi Marco Chagas com 4 vitórias em 1982, 1983, 1985 e 1986 seguem-se com três vitórias Joaquim Agostinho em 1970, 1971 e 1972 e Alves Barbosa.
Jorge Corvo acabou três vezes a volta a Portugal em segundo lugar sendo o ciclista que acabou mais vezes a prova em segundo lugar sem nunca vencer e a menos de um minuto do vencedor e numa das voltas a Portugal Jorge Corvo perdeu para Carlos Carvalho por apenas 5 segundos sendo uma das diferenças mais curtas entre os dois primeiros na história da prova. Vitor Gamito ultrapassa o número de segundos lugares do ciclista Jorge Corvo com quatro em 1993, 1994, 1996 e 1999 mas ganhou a Volta a Portugal em 2000.
Em 1996 o melhor português foi Vitor Gamito que acabou a volta a Portugal em segundo lugar.
Em 1997 o melhor português foi Joaquim Gomes que acabou a volta a Portugal em terceiro lugar.
Em 1998 o melhor português foi Orlando Rodrigues que acabou a volta a Portugal em segundo lugar.
Em 1999 o melhor português foi Vitor Gamito que acabou a volta a Portugal em segundo lugar.
Em 2001 o melhor português foi Vitor Gamito que acabou a Volta a Portugal em quarto lugar.
Em 2002 o melhor português foi Rui Sousa que acabou a Volta a Portugal em terceiro lugar.
Em 2004 o melhor português foi Nuno Ribeiro que acabou a Volta a Portugal em terceiro lugar.
Em 2005 o melhor português foi Cândido Barbosa que acabou a Volta a Portugal em segundo lugar.
Em 2006 o melhor português foi Cândido Barbosa que acabou a Volta a Portugal em terceiro lugar.
Em 2007 o melhor português foi Cândido Barbosa que acabou a Volta a Portugal em segundo lugar.

Bruno V.

9 comentários:

Mrs_Noris disse...

Meu Deus. Quanta informação. :o
Se o blogue deixasse, tenho a certeza que o Bruno colocaria esta última parte em tabela. Não é verdade Bruno?
Um beijo para ti.

Mina disse...

Pois é Noris
E o mais impressionante, é ele ter estes factos nomes e datas de memória, e isto é apenas uma pequena amostra do que aquele cerebro contêm, e muito mais que ele não deita deita cá para fora...

Às vezes até tenho que medo "estoire" rsss, e a preocupação com que ele fica quando não se lembra é terrível, era supostamente para escrever um texto sobre a volta a Portugal deste ano.
Saíu-lhe toda esta cronologia, e não fez nenhuma consulta, que esteve a escrever o texto no PC sem net, eu fico estupefacta com a rapidez que ele mencionou nomes datas lugares ocupados, isto foi no ciclismo mas apanha de várias modalidades, só mesmo observando, contado custa a acreditar...
Mas todo este historial de conhecimento, não lhe serve para nada, e isso deixa-me alguma angústia...
Bjocas

BrunoV. disse...

Noris,
Pois eu era capaz de meter essas últimas informações em tabelas como eu faço com os climas se fosse possível mas como não dá fica assim, paciência. É o que se pode arranjar.
Beijinhos

Visite www.arteautismo.com disse...

Oi Mina .Oi Bruno.
Estou pasma com a inteligência de Bruno. Caramba Bruno voce é fera!!!
Bruno , porque voce não faz uma tabela sobre o clima de Portugal e deixa ao lado no blog da tua mãe? Seria inédito , além de grande ajuda para os portugueses saber do clima da sua cidade.
Acho que ficaria bem legal.
Isso já ia te ajudando até fazer a faculdade de metereologia e obter um emprego.
Assim que tens futuro como meteorologista , assim como Filipe tem para pintor.
E seu ambiente de trabalho ia ser do jeito que voce gosta. Pc e mapas e satélite.
Sabe , já vejo luz no fim deste túnel.
Beijos.
Ray

BrunoV. disse...

Ray,
Fiz tabelas de climas do mundo inteiro.
E guardei-as na minha pen.
Não sei como se colocam tabelas no blog.
Vou ter de estudar o assunto para pôr na barra lateral.
São algumas 200 páginas.
Beijos.

Visite www.arteautismo.com disse...

Oi Bruno , pelo numero de 200 , mostra que voce sabe faze-las muito bem!
Estude um jeito , voce vai conseguir. Isto já será um currículo para seu futuro, como meteorologista!
Vai ver os meteorologistas tem de fazer faculdade para compor uma tabela destas que voce faz.
Isto mostra teu avanço.
Eu acredito em voce! E aposto fichas em si!
Beijos.
Ray

Mina disse...

Obrigada Ray
Pela força, mas não creio no futuro metereológico que implica não só conhecimento mas saber aplicar.
E os climas são muito variáveis e cada vez mais, como nós vamos vendo com as alterações climáticas e até isso mexe com ele.
Eu já ficava satisfeita com algo mais real, que tivesse também a ver com números ou com informática na óptica do utilizador, introdução de dados, ou contagens é algo que ele faria com uma "perna ás costas", e é nesse sentido que eu vou investir, procurar ,batalhar seguindo o exemplo da minha amiga Ray,já preparei um currículo, que entregarei nas empresas a seguir ás férias,não vamos é parar, né...
Aí acredito plenamente nas capacidades, o problema advém do ouvir o que não deve e depois transmitir sem a devida filtragem...
Sabe com é dificulta...

Mina disse...

Faltou as beijocas Ray rsssss
para Felipe e mamy

BrunoV. disse...

Ray,
Eu gosto é de confirmar se os climas que eu vejo estão ou não de acordo com as previsões metereológicas e para confirmar que de facto o clima está a mudar.
Beijos