Mãe e filho de mãos dadas trilhando os caminhos do autismo/asperger.
Numa partilha intimista e de coração aberto em sonhos e desalentos, numa vida vivida...
Ter um filho asperger não é o fim do mundo, mas o princípio de uma nova vida...
Valorizando os afectos...

domingo, 7 de dezembro de 2014

Registo do Inicio


Parece, uma eternidade, seis anos num blog!
Foi, precisamente neste dia que iniciou :)
Ultimamente, tem estado submerso, nem sempre por falta de tema, embora os temas se tornem repetitivos.
Tal como esta síndrome, é na maioria dos casos.
O criador, e autor deste blogue não lhe deu muito desenvolvimento...
Embora escreva centenas de papéis, sobre diversos temas, soltos...
Têm sido a mãe, quase sempre a falar por interposta pessoa, das suas atitudes, comportamentos ,relacionamentos, e muito de nós aqui está num álbum de recordações, que vamos desfolhando.
Não estando a ser assídua, à momentos e famílias por detrás da blogosfera, que nem sempre têm disposição ou astral, que justifique, e sendo sempre às claras, à intimidades de outros membros da família que devem ser preservadas...
Agradeço a todos, os que nos acompanham desde sempre ou desde agora, neste e noutros blogues onde, manifestamos os nossos sentimentos.
Que vida só faz sentido, se a sentir-mos...
Obrigado, e um forte abraço a todos/as

Deixo aqui o link do inicio

Nota: estou  com poucas  palavras, gastas, ou vazias, espero reequilibrar me, e recomeçar, e arrumar esta nossa casa, há por aqui muitos rascunhos guardados de uma vida, que não pára.

6 comentários:

Maria Nunes disse...

Tenho vindo aqui quase diariamente, ouvindo silenciosamente porque quando a Mina fala tem muito para dizer, e eu para aprender com o que diz e sinto que comigo pouco aprenderá.
Mas hoje ao senti-la ... assim, sinto que lhe devo uma palavra amiga, um abraço muito carinhoso e de admiração pela Mulher e Mãe que é.
Atrevo-me a dar-lhe um conselho, faça aquilo que a fizer sentir melhor, há alturas em que nos temos de pôr em primeiro lugar, por uma questão de sobrevivência, nossa e daqueles que dependem de nós.
Há alturas em que a regra é não ter regras, quando nos estamos a afogar não importa se estamos a nadar conforme os cânones, importa é sobreviver.
Um abraço muito apertado,
Teresa

São disse...

Parabéns pelo aniversário do blogue e, muito especialmente, pelo exemplo de força e determinação que nos dá, Mina!

Forte e longo abraço.

Mina disse...

Maria Nunes!
Obrigada, por ter quebrado o silêncio, é bom sentir, que não é em vão, que as palavras e sentimentos que tento transmitir, passam para o outro lado.
Eu não ensino nada, nem sei mais que ninguém, sou é capaz de ter vivido mais e como tal também uma experiência mais longa... Aprendemos sempre uns com outros, cada vez à mais informação e pessoas a partilhar, cada caso é sempre um caso diferente neste largo espectro multicolor, e cada pessoas também vive e sente à sua maneira, mas só quem vive ou convive com autistas se pode apaixonar, (ou não), por estes seres puros. Só o pensar nas sua pureza, já emociona, como é possível haver pessoas tão transparentes.
Não à dúvida, que o motivo deste blog, têm a ver com essa paixão, e com a vontade desmesurada que o mundo o entenda...
Beijinhos e volte sempre
Tenho certamente, muito a aprender consigo ....

Mina disse...

São
Obrigada, amiga e acompanhante , quase desde os primórdios :)

Nem sempre, tenho essa fortaleza e determinação, muitas vezes fraquejo...

Mas este amor, e esta reciprocidade, que ele me dá, não me permitem, ficar muito lá em baixo, mesmo como diz uma canção que não me recordo autor, "todo o mundo conspira contra nós".
Todo mundo ;) (são os outros cá de casa ;)

Beijinhos e boa semana

Fê blue bird disse...

Prima, desculpe-me só hoje me actualizei nos blogues, fim de semana prolongado e atarefado :)

Seis anos realmente é uma vida, de partilha, de afectos e de entrega a uma causa que quer legitimamente melhorar e dar a conhecer.

Contigo amiga, aprendi que a coragem é lutar todos os dias por aquilo que acreditamos.

Obrigada por todos os momentos e por muitos mais que decerto iremos partilhar no futuro.

beijinhos

Mina disse...

Prima Fê!
Sempre com carinho, aqui tem estado e acompanhado esta "epopeia", que são descobertas ao longo da vida, vão nos sempre surpreendendo.
De quem a aqui passa, a prima será a que mesmo sem nos conhecer pessoalmente, é que têm o nosso tesouro em mãos rsss, que é a nossa essência, e nossa forma de ser e viver. ... beijinhos